outubro 07, 2007

Nós

Não te sei encontrar
nos caminhos que percorro
todos os dias.
Sei da tua existência,
mas desconheço o teu nome...
Vejo-te em sonhos que não domino.
Sinto-te aqui
em momentos de intimismo superficial.
Vens-me à mente
[ como um flash que dispara na noite, ao captar outras emoções],
em imagens de vidas que nunca vivi.
Procuro-te.
Sei que te vou encontrar
e,nesse dia,
meu amor,
serei feliz.

- Finalmente somos nós!

5 comentários:

SILÊNCIO CULPADO disse...

Levamos uma vida inteira a procurar e a somar expectativas e a juntar ilusões.Por vezes gastamo-nos em percursos eivados de desilusões quando, à nossa volta, havia um mundo de coisas simples a pedirem para ser amadas.

Carol disse...

Sabes, isso é bem verdade. Perdemos tempo com coisas e pessoas tão fúteis. Às vezes, só quando perdemos aquelas que realmente são importantes é que as amamos como merecem...

adrianeites disse...

as nossas prioridades nem sempre são as melhores...

Luz&Amor disse...

Às vezes, projetamos nossas expectativas na vida e no outro e esquecemos de lembrar que só vale à pena porque não é o que pensamos mesmo, graças à Deus. Mas olha, com os olhos do coração abertos podemos sempre enxergar além.
Obrigada pela visita e vamos procurando mesmo. Este "nós" tem hora certa pra chegar é o que também espero. Um beijo linda e boa semana. Me fizeste pensar.
Beijos

Daniel J Santos disse...

Eu sei da tua existência, por isso passo para te ler, hoje sei o meu nome.