novembro 07, 2007

Momento

Chegou a hora de fechar os olhos
e ouvir as doces palavras que sussurras ao meu ouvido,
no íntimo das nossas noites.
Este é o momento pelo qual anseio todos os dias.
E é nesse momento que te sinto meu e me sei tua!

14 comentários:

Tiago R Cardoso disse...

tem momentos na vida que são fantásticos.

Sei que existes disse...

Que momentos maravilhosos!
Beijo grande

Sol da meia noite disse...

E quando esse momento vem... tudo pára.
Dá-se o grande encontro das almas...

Beijinhos!

adrianeites disse...

falta a bola vermelha no canto do post!

lol

Carol disse...

Lol

O Árabe disse...

Palavras... ditas aos ouvidos, quanto tocam a nossa alma! :)

quintarantino disse...

Bem dito...

pedro disse...

Parabens

Metamorfose disse...

Quando chega a hora o mundo pára, o mar amansa, o sol brilha e as palavras.......

Bom fim de semana.

Sniqper ® disse...

Carol...
Gosto de te ler, aqui e nos comentários que fazes, tens garra, sente-se a força do que dizes, gosto.

quintarantino disse...

Sis, vai ver http://scottygraham.blogspot.com,
O homem merece e aquilo é que são fotografias.

Alma Nova disse...

E nestas horas fecham-se os olhos para o mundo, apagam-se as luzes externas e apenas brilham os sentimentos.
Gosto do que escreves.

Miss Vader disse...

olha a tia poeta. olá.

Joshua disse...

Ó minha querida Carol, mana do Tarantino, bom amigo!

Estou feito num oito. Trabalho numa escola do interior, onde é sempre mais feliz ser professor, mas ando teso como um carapau, com despesas semanais altíssimas, sem cheta para nada.

O meu part-time nocturno pagou-me o suficiente para sobreviver mais uma semana lá, onde, para ter sobrevivido nas anteriores, foi à base do pedir dinheiro aqui e acolá.

Para além do mais sou, bem o sabes, precário. A qualquer momento salto fora daqui.

Adoro a tua poesia.
Mal tenho tempo para visitar a quem estou a blogamar.

Tu, a Silêncio, o teu irmão.

De tão pouco dormir, já nem consigo dormir.

Bjs Grandes

joshua