agosto 09, 2009

Porque rir é o melhor remédio...

E porque cresci a ouvir os vinis com as histórias de Raul Solnado, hoje não podia deixar de lhe prestar a devida homenagem. Morreu o senhor do humor nacional, um homem de enorme generosidade, que merece nunca ser esquecido.

Fiquem com Está lá, é da maternidade? e riam-se! Ele havia de gostar!



7 comentários:

Princesa disse...

Obrigado pela visita
Hoje estou mesmo de fugida estou cansada andei o dia todo a passear mas não quis dormir sem visitar meus amigos mesmo a correr...

Nunca se esqueça que recordar um momento feliz
é guardar no fundo do coração uma lágrima de saudade..."

Bom inicio de semana

Beijos

A Palavra Mágica disse...

Carol!!!

Obrigado por partilhares isso. Rir faz muito bem.

Beijos!
Alcides

Blondewithaphd disse...

Eu gostava muito porque não metia piadas sem trejeito algum e linguagem vulgar (passo o eufemismo, claro está).

Manuela Araújo disse...

O blogue Sustentabilidade É Acção mandou um selo para este blogue: "VALE A PENA FICAR DE OLHO NESTE BLOG!"

Pensador disse...

Não tive a felicidade de conhecê-lo em sua vida, vim a conhecer agora, com sua morte. Mas todos os que nos trazem alegrias são anjos do céu disfarçados, ele apenas voltou para casa.

Dylan disse...

"A vida num palco"

Não sendo eu da geração de Raúl Solnado, sei a perda irreparável que o seu desaparecimento provocou, numa época em que a comédia se confunde com o insulto brejeiro. O actor aprendeu com os melhores - João Villaret, António Silva e Vasco Santana -também por isso, merece estar na galeria dos imortais. Imaginemos a audácia e a inteligência de ridicularizar o Antigo Regime e os seus tabus, contornando a censura, utilizando jogos de palavras numa encapotada infantilidade. Foi um homem solidário que deu tudo pelo teatro, muitas vezes colocado acima dos interesses familiares.

http://dylans.blogs.sapo.pt/

Alice disse...

Há pessoas que não se esquecem. De uma forma ou de outra todos deixamos a nossa marca neste Mundo. Uns mudam o Mundo mais do que outros.